Stephen Kaung – Três “Cs”: compromisso, crise, cruz

13 nov

A fim de sermos edificados juntos, vou sugerir esses três “Cs”. Se realmente quisermos ser edificados juntos, é necessário termos compromisso. Creio que isso é evidente. Ainda que ninguém o queira, sabemos que é algo indispensável. Precisamos estar comprometidos, não apenas com o Senhor, mas ter compromisso com nossos irmãos e irmãs. Os “espertos” nunca se comprometem; nunca chegam demasiadamente perto. Se você se aproximar muito, poderá se queimar, mas graças a Deus pelo fogo. Estamos comprometidos? Se realmente estivermos, a crise virá. Não gozaremos de tempos de paz e sossego. Se você quiser ter um tempo de descanso, vá ao teatro (veja bem, não o estou encorajando a ir ao teatro). Se você estiver na Igreja, a Igreja verdadeira, lembre-se de que crises sobrevirão à sua vida. Logo, logo, você percebe que foi atingido por uma crise. Você começa a sentir: “Este irmão… ah, terrível; aquela irmã, puxa… impossível!”. Quando a crise chega à sua vida, tem-se o terceiro “c”, a cruz. Você está disposto a negar-se, tomar sua cruz e seguir o Senhor? Esta é a única forma em que realmente podemos ser edificados juntos.

Por que não há mais edificação entre o povo de Deus? Encontramos muitas reuniões e assembleias, mas pouca edificação. É porque não estamos comprometidos, porque tentamos evitar as crises, porque escapamos da cruz. Que realmente possamos perceber que a razão pela qual nos reunimos assim é para expressar Cristo de forma corporativa. Queremos que Ele habite e tenha Sua satisfação e descanso em nós. Queremos ser edificados de forma conjunta, mas para que isso aconteça os três “Cs” são necessários. Você os tem?

(Extraído do livreto “Por Que Nos Reunimos Assim?”, Editora dos Clássicos, 2014.) .

Stephen Kaung

Stephen Kaung é um obreiro, conferencista e escritor cristão que vive em Richmond, Virginia, EUA. No início dos anos 1930, juntou-se com Watchman Nee em ministério de tempo integral na China. Em 1952, mudou-se para Nova Iorque. Nos anos 1960, ele trabalhou junto a T. Austin-Sparks. O Senhor o tem usado tremendamente em várias partes do mundo. Ele promoveu a publicação de mais de 50 obras de Watchman Nee para o inglês. Hoje, com mais de 102 anos, Stephen Kaung continua servindo ao Senhor no ministério da Palavra.

Leia também  Não tentarás o Senhor, teu Deus

Comentários