Princípios da Oração

R$ 25,50
Sem imposto
1x de R$ 25.5 sem juros no cartão de crédito Ganhe + 3% desconto 24.73 pagando com boleto

Aprenda a orar com poder com este livro!

Quantidade

O ministério de Charles Finney levantou-se como uma onda de choque espiritual no cenário norte-americano do século XIX. Finney atribuía sua eficácia em grande parte à oração. Agora suas magníficas ideias estão condensadas e reunidas neste pequeno livro Princípios da oração.

Princípios da oração livro oferece um estudo de 40 dias para aqueles que desejam orar com poder e testemunhar os resultados. Cada lição — que abrange meditação, aplicação e oração — ajudará você a desenvolver a maturidade cristã.

Princípios da oração de Charles G. Finney é um livro que apresenta 40 estudos à sua disposição

Charles Finney (1792 – 1875), largamente reconhecido como um dos primeiros evangelizadores norte-americanos, foi também um grande homem de oração. No século XIX, quase 500 mil pessoas se converteram como fruto de seu ministério.

340

Ficha técnica

Autor
Charles Finney (1792 – 1875)
Série
Oração
Páginas
112
Editora
Vida
Formato
14 x 21 cm
Peso
0.399 kg
ISBN
978-85-383-0206-3

12 produtos na mesma categoria

A Necessidade da Oração

Brands: E. M. Bounds
R$ 19,90

Assim como respirar é uma realidade física para nós, tal era a oração para Bounds. Ele aplicou o mandamento “Orem sem cessar” tão literalmente quanto a natureza viva aplica a lei do sistema nervoso reflexo, que controla nossa respiração.

A Arma da Oração

Brands: E. M. Bounds
R$ 19,90

Nada é mais importante para Deus do que a oração ao lidar com a humanidade. Mas orar também é muito importante para o homem. Fracasso na oração é fracasso em todos os aspectos da vida.

Poder Pela Oração

Brands: E. M. Bounds
R$ 26,90

Em 20 breves capítulos, este clássico sobre oração, e sobre o poder que dela irradia, traz a sabedoria e a experiência de um autor dedicado à oração que fala ao líder e à igreja.

Propósito na Oração

Brands: E. M. Bounds
R$ 19,90

Deus molda o mundo pela oração. As orações não morrem. As orações se perpetuam para além daqueles que as pronunciam; elas sobrevivem a uma geração, a uma época, a um mundo.