O segredo dos milagres

18 fev

O Segredo dos MilagresWatchman Nee

Então, Jesus tomou os pães… (João 6.11)

Para a maioria de Seus milagres, Deus usa algo material. Nessa passagem, Jesus aceita cinco pães e dois peixes. Ele poderia ter transformado pedras em pães, mas não o fez. Preferiu, em vez disso, operar um milagre com o que Lhe fora oferecido. “Trazei-mos”, Ele disse (Mt 14.18). O que Ele faz, faz por nosso intermédio. Todos os milagres começam desta forma: com tudo o que sou e tenho em Suas mãos. Se guardar os pães para mim, somente um homem é alimentado. Se entregá-los a Ele, ficarei com fome?

Em tempos de extrema pobreza por toda a nação, o profeta Malaquias entregou ao povo de Israel a resposta de Deus para suas dificuldades: “Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro – e provai-me nisto!” (3.10). É necessário apenas uma pequena rolha para fechar um garrafão, retendo, assim, seu conteúdo. Assim é o céu. Muitas vezes deixamos de ver milagres porque nada entregamos a Deus. Ele pede algo extremamente pequeno: o que temos! No entanto, é o que Ele precisa.

(Extraído do clássico UMA MESA NO DESERTO, de Watchman Nee, a ser relançado em breve pela Editora dos Clássicos)

► Ver livros de Watchman Nee
Watchman Nee

Watchman Nee (1903 – 1972) foi um influente líder cristão chinês no período anterior ao regime comunista. Foi preso pelo governo comunista em 1952, morrendo na prisão vinte anos depois, em 1972.

Leia também  Watchman Nee - A conversão de um “ateu”

Comentários